[Sem Spoilers] Perdido em Marte

Mais uma semana começando! E como já é tradição venho falar com vocês de mais um filmezinho maroto, espero que vocês curtam tanto quanto eu. O filme de hoje é um dos meus favoritos de 2015, Perdido em Marte!

Perdido-em-Marte-Cartaz-1

Salvem nosso Matt Damon!

Sou um grande fã de ciência e física, e para mim é simplesmente um deleite poder assistir um filme como este. Sem contar que quando um filme tem a temática de exploração espacial, para mim, já é certeza de que irei vê-lo. Principalmente depois do combo que tivemos de Interestelar e Gravidade.

Para começar tenho que dizer que senti falta da abordagem poética que os esses filmes apresentam, toda aquela atenção ao ponto de áudio, a sensação de solidão e tensão que eles trouxeram. Mas com o tempo eu percebi que essa não era a pegada do filme, larguei esse sentimento de cachorro abandonado e resolvi apreciar o que o filme realmente estava disposto a me passar. Que experiencia incrível! Sério, como esse filme é primoroso em criar uma situação inacreditavelmente plausível! De cara quando eu fiquei sabendo qual era o plot do filme eu já comecei a me indagar se o roteiro conseguiria manter o pé no chão ou se ele iria se enveredar para a fantasia, para a minha surpresa o filme é mais pé no chão do que qualquer blockbuster pode ser. Parabéns ao escritor do livro que baseou o filme, mesmo sem ter lido esta obra ainda, tenho certeza de que ela tem a mesma qualidade da sua adaptação para as telonas.

Como era de esperar que o filme abusaria da cor vermelha, e isso deixa tudo muito bonito e ao mesmo tempo te dá uma sensação de desconforto, como se algo de errado está sempre prestes a acontecer. O trabalho de arte para deixar o filme esteticamente harmonioso é incrível! As tomadas panorâmicas dão o tom certo de vastidão que o filme merece ter! Sem contar a preocupação em fazer com que as cenas de interior pareçam bem mais amistosas e aconchegantes.

O personagem do Matt deixado para trás Damon é extremamente carismático e quase nos faz esquecer o personagem babaca que ele representou em Interestelar, o filme foi uma redenção para o cara. O jeito como o roteiro trata cada situação e como os personagens reagem à elas é essencial para a condução da história, todo o tempo o filme tenta levar as eventuais merdas com humor, mas nunca deixando que vire galhofa.

Enfim, se você gosta de filmes com reviravoltas constantes e situações inacreditáveis sendo resolvidas de formas ainda mais surpreendentes, veja este filme.

Nossa, como este último parágrafo ficou parecendo com parágrafo de revista ruim!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s